sexta-feira, 22 de setembro de 2017

[Pegadas & Divulgações] Novidades Porto Editora

Sinopse: 
Uma mãe por conta própria 
Jess Thomas faz o seu melhor, dia após dia. É difícil lutar sozinha. E, por vezes, assume riscos que não devia. Apenas porque tem de ser… 
Uma família caótica 
Tanzie, a filha de Jess, é uma criança dotada e brilhante a lidar com números, mas sem apoio nunca terá oportunidade de se revelar. Nicky, enteado de Jess, é um adolescente reservado, que não consegue sozinho fazer frente às perseguições de que é alvo na escola.Por vezes, Jess sente que os filhos se estão a afundar…
Um desconhecido atraente 
Ed Nicholls entra nas suas vidas. Ele é um homem com um passado complicado que foge desesperado de um futuro incerto. Ed sabe o que é a solidão. E quer ajudá-los… 
Uma história de amor inesperada 
Um mais um – A fórmula da felicidade é um romance cativante e original sobre duas pessoas que se encontram em circunstâncias difíceis.

Sobre a autora: Jojo Moyes estudou Jornalismo e foi correspondente do jornal The Independent durante 10 anos, até se dedicar a tempo inteiro à escrita criativa. Foi uma das poucas escritoras a receber por duas vezes o prémio Romantic Novel of the Year, primeiro com Foreign Fruit (2003) e mais tarde com A Última Carta de Amor (2011). É com o romance Viver Depois de Ti que Jojo Moyes alcança os tops de vendas nos 44 países onde o livro está publicado. Com mais de 12 milhões de exemplares vendidos, Viver Depois de Ti vê a sua adaptação ao cinema, para grande alegria dos seus leitores em todo o mundo. Jojo Moyes escreveu até à data 14 romances, que venderam 20 milhões de exemplares, dos quais destacamos Silver Bay – A Baía do Desejo, Um Violino na Noite, Retrato de Família, A Última Carta de Amor, Viver Depois de Ti, O Olhar de Sophie e Viver Sem Ti, que figuram no catálogo da Porto Editora.
------------------------------------------------------------------
Sinopse: Harriet Manners sabe que: • Nova Iorque é a cidade mais populosa dos Estados Unidos. • 27% dos americanos acreditam que nunca aterrámos na lua.
Mas não faz ideia de como a família irá lidar com a vida nos arrabaldes da cidade. Ou como se "tornar uma marca", como dizem as modelos que vai conhecendo. E, mais importante ainda, não sabe como gerir os gestos românticos que lhe chegam de outra pessoa que não o namorado… Será que é desta que a nossa geek girl abusa da sorte? 

Sobre a autora: Holly Smale é a autora bestseller e premiada da série Geek Girl. Apaixonou-se pela escrita aos 5 anos, quando percebeu que os livros não nasciam nas árvores como as maçãs. A paixão pelas viagens, pela aventura e por andar descalça levaram-na a correr meio mundo: visitou 27 países, passou dois anos a ensinar a língua inglesa no Japão, fez voluntariado no Nepal e ficou sem dezenas de auriculares na Austrália, Indonésia e Índia. Holly é licenciada em Literatura, especializada em Shakespeare e vive, atualmente, em Londres. 
------------------------------------------------------------------
Sinopse: Numa espécie de homenagem a Pablo Neruda e seus Vinte poemas de amor e uma canção desesperada, os 22 deliciosos contos deste Somente a verdade têm origem no fascínio de José Paulo Cavalcanti pela natureza humana. Os Sanchos e Quixotes que somos. A falecida que convidou amigos para o enterro do irmão, a mulher que sonhava com um beijo e a mãe que decidiu só morrer depois de enterrar o filho, são alguns dos casos presenciados pelo autor no seu escritório de advocacia. Histórias reais, aqui narradas com sabor de ficção literária, sobre a certeza de que a verdade, muitas vezes, é só aparente.

Sobre o autor: José Paulo Cavalcanti é advogado no Recife, consultor da UNESCO e do Banco Mundial, ex-Ministro da Justiça, membro da Comissão Nacional da Verdade e membro da Academia Pernambucana de Letras. Autor de Fernando Pessoa, uma quase autobiografia, e vencedor de vários prémios, incluindo o Jabuti, o da Bienal do Livro e o da Academia Brasileira de Letras; em Portugal, o Dário Castro Alves; em Itália, o II Molinello.
------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: Os últimos anos de instabilidade económica e empresarial foram, uma vez mais, marcados pela intervenção na legislação laboral. Entre outros objetivos, visou-se flexibilizar o mercado de trabalho e tutelar os interesses (quase sempre contrapostos) das partes intervenientes na relação jurídica de trabalho. O nosso Leis do Trabalho – Tudo o que precisa de saber não podia ficar indiferente às modificações legais, o que, mais de um ano após a última revisão e atualização, justifica esta 4.ª edição.
Nela destacamos as alterações no segmento dos direitos na parentalidade e na sensível matéria da contratação a termo. Foi também efetuada uma renovação de vários dos exemplos práticos descritos e foram clarificadas várias respostas. O fito é sempre o mesmo: disponibilizar uma publicação mais completa, mais prática e, assim, mais útil e eficiente para todos aqueles que a consultam e seguem no seu dia a dia.

Sobre as autoras: Alexandra Santos Silva é licenciada em Direito e Pós-graduada em Direito Comunitário do Trabalho pela Faculdade de Direito da Universidade Católica Portuguesa – Centro Regional do Porto. Realizou o Curso de Formação Profissional de Técnica Superior de Segurança e Higiene do Trabalho e é atualmente Técnica Superior da Direção Geral de Trabalho.
Susana Seabra Leitão é licenciada em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Clássica de Lisboa e pós-graduada em Direito do Trabalho pelo IDET/Faculdade de Direito da Universidade de Coimbra. Tem o Curso de Formação Profissional de Técnica Superior de Segurança e Higiene do Trabalho e é atualmente Técnica Superior da ACT (Autoridade para as Condições de Trabalho). 

quarta-feira, 23 de agosto de 2017

[Pegadas & Opiniões] 'Só Nós Dois' de Nicholas Sparks

Sinopse: Por vezes, basta um segundo para mudar a nossa vida. E nesse instante avassalador, tudo aquilo que pensamos saber - e possuir - perde o seu valor.
Russell Green tem trinta e dois anos, é casado com Vivian, uma mulher lindíssima e dedicada; tem uma filha encantadora e uma carreira de sucesso. Dir-se-ia que a sua vida é de sonho. Mas o sonho vai dar lugar a um pesadelo… De um momento para o outro, Russ perde a mulher e o emprego e fica a sós com a filha de seis anos, London. Pela primeira vez, percebe que não pode entregar-se à sua própria dor pois London depende agora unicamente dele. Russ vai ter de se superar, de desbravar caminho, começar de novo…
Mas não é fácil cuidar de uma criança sozinho, fundar um negócio próprio, e lidar com as emoções contraditórias que ameaçam paralisá-lo. O dia a dia com a filha é uma montanha-russa de escolhas, consequências e anseios. É muito mais difícil do que alguma vez imaginara. Mas é também infinitamente mais gratificante do que a correria de outrora.
E quando o imprevisível destino abre novamente a porta ao amor, deixa entrar algo mais. Algo para o qual Russ - mais uma vez - não está preparado.
Só Nós Dois é um retrato da experiência simultaneamente aterradora e gratificante de ser pai solteiro: dos desafios aos riscos, e, claro, às recompensas. Relembra-nos a importância dos laços de família e do amor.

Opinião: Já há imenso tempo que não me emocionava tanto com um livro.
Estamos habituados a que Nicholas Sparks nos apresente um romance com um amor arrebatador mas este foge um pouco à regra. Talvez seja um amor arrebatador mas familiar e não romântico. 
Este é um livro verdadeiramente enternecedor que aborda temas muito atuais como o amor, o divórcio, a doença, a homossexualidade, a vida monoparental.
Só nós dois conta-nos a história familiar de Russ, a sua mulher Vivian e a filha de ambos London. Russ tem a vida com que sempre sonhou até que, numa sucessão de diversos acontecimentos fortes, esta vida de sonho se desmorona: fica desempregado, a mulher pede o divórcio e a sua filha de cinco anos fica ao seu cuidado.
Russ, um homem negligenciado por Vivian, que sempre o usou para seu proveito próprio como uma espécie de fantoche, vê-se obrigado a dar a volta por cima e a aprender a lidar com a realidade de criar uma filha "sozinho". E escrevo sozinho entre aspas porque Russ contou com o apoio dos seus pais e da sua irmã Marge e cunhada Liz, uma dinâmica familiar super amorosa.
Adorei a história familiar de Russ, foi um dos principais pontos emocionantes do livro, pois quando Russ pensa que a sua vida não pode piorar, algo de muito injusto e cruel acontece.
Apesar de ser um livro de cerca de quinhentas páginas, damos por nós a querer devorar todos os acontecimentos e maneira do protagonista ultrapassar os obstáculos do dia-a-dia com a sua pequena, com o seu novo trabalho e com o seu novo amor.
Podem contar com um final dramático, um toque já esperado pelos leitores que bem conhecem Nicholas Sparks.
Tenho de dar os Parabéns à Editora pela capa: não poderia ser a mais adequada pois retrata uma das cenas mais adoráveis entre pai e filha.
Adorei e recomendarei, sem dúvida alguma.

Classificação:

sábado, 19 de agosto de 2017

[Pegadas & Opiniões] 'Empurrado para o Pecado' de Monica James

Sinopse: O livro começa onde o anterior nos deixou, com Dixon a tentar fugir das garras de Juliet, e manter o relacionamento crescente com Maddy. Mas o que não esperava era ter de percorrer um caminho tortuoso para afastar a vil Juliet da sua vida.
Dixon Matthews percebe que está tão apaixonado que fará qualquer coisa para proteger a mulher que ama, até mentir de forma a esconder os pecados do passado. Com a ajuda dos dois melhores amigos, Dixon tenta encontrar uma solução para o problema, mas sem êxito.
Decide uma jogada muito arriscada para se livrar de Juliet enquanto tenta manter o relacionamento com Madison. Só que uma vida dupla não se consegue manter para sempre.

Opinião: Assim que soube que haveria sequela do romance "Viciado no Pecado" fiquei em êxtase, pois foi o livro erótico que mais me cativou este ano, e estava desejosa de saber como iriam terminam as peripécias de Dixon.
É sempre uma lufada de ar fresco ler um romance erótico sob a visão de um homem. Dixon, um psiquiatra prestigioso, continua a sua luta contra a teia de mentiras em que se colocou por causa de duas mulheres tão distintas. Se por um lado deseja contar toda a verdade ao seu amor, Madison, por outro lado pensa que estará a protegê-la se não o fizer.
Juliet está disposta a jogar um jogo perigoso com Dixon, ameaçando revelar todos os pecados do mesmo. Quem sucumbirá primeiro a este jogo perigoso?
No desenrolar da narrativa vamos vendo as personagens a amadurecer. Adorei reler a camaradagem entre Dixon e os seus melhores amigos, Finch e Hunter.
Um romance que nos desperta algumas gargalhadas, boa disposição e sensualidade.
A apontar de menos positivo fica a longa espera para a decisão de Dixon, mas também se tal não existisse não teríamos livro.
Fica a mensagem de que a sinceridade e honestidade devem ser as principais bases de qualquer relação na nossa vida!

Classificação:

quinta-feira, 17 de agosto de 2017

[Pegadas & Opiniões] 'A Amiga' de Dorothy Koomson

Sinopse:
Quando o marido é promovido, Cece Solarin muda-se para Brighton com os três filhos, animada com a possibilidade de um recomeço. No entanto, o ambiente do bairro que a acolhe parece-lhe ansioso e os vizinhos sobressaltados.
Cece descobre que, três semanas antes, Yvonne, uma das mães mais populares da zona, foi deixada às portas da morte, no pátio da escola dos filhos - a mesma onde se vê obrigada a inscrever os seus.
No primeiro dia de aulas, Cece conhece três mães muito diferentes que parecem querer ajudá-la neste novo começo. Mas Maxie, Anaya e Hazel são também amigas de Yvonne, e a polícia desconfia que uma delas poderá estar envolvida no crime.
Preocupada com a segurança dos filhos, Cece está decidida a descobrir a verdade…

Opinião: Não é novidade nenhuma que para mim é sempre um prazer ler Dorothy Koomson, pois desde o primeiro livro seu que li fiquei apaixonada pela sua escrita e pelas suas histórias tão tocante e reais.
Com o apoio da Porto Editora pude disfrutar desta maravilhosa leitura durante a minha semana de férias.
"A Amiga" conta-nos a história de Cece Solarin, recém-chegada a Brighton, com a sua família. Sob a perspectiva de "cidade nova, vida nova" Cece faz três novas amizades, com três mulheres cujos filhos andam na Preparatória de Plummer, tal como os seus gémeos.
Logo no primeiro dia de aulas, Cece apercebe-se de que o clima na escola está misterioso e pesado. O que se terá passado para todos ficarem sérios e incomodados com a presença do marido de Yvonne Whidmore? Porque estará toda a gente a sussurrar e conspirar?
O que Cece descobre deixa-a um pouco receosa: Yvonne, uma das mães da escola, foi encontrada inanimada, dentro do recinto escolar, ficando em coma de tão espancada que foi.
Todas as novas amigas de Cece, a Anaya, Maxie e Hazel, estiveram com a vítima na noite do crime e todas elas reportam diferentes versões dessa noite, ficando sob a alçada da polícia como principais suspeitas. Porque mentem? Do que são capazes para guardar um segredo?
Cece, graças a uma relação atribulada do seu passado, vê-se obrigada a colaborar com a polícia para desvendar o crime. À medida que a história se desenvolve ficamos a saber que muitas pessoas teriam motivos para querer magoar Yvonne, pois a mesma toda a vida se aproveitou das fragilidades e segredos de amigos e conhecidos para os chantagear com diferentes objectivos, como subir na vida ou ser popular.
A história é narrada através das quatro personagens principais, a protagonista Cece e as três amigas, permitindo ao leitor conhecer melhor todas elas bem como os seus receios, segredos. A forma como Dorothy conduz a narrativa através da perspectiva das diferentes heroínas enriquece, sem dúvida, o romance. À medida que vamos conhecendo as personagens vamos compreendendo que nem tudo o que parece é e ficamos a par de quatro histórias de vida verdadeiramente tocantes e comovedoras.
Mais uma vez, Dorothy não desilude. História bem construída, personagens fascinantes e um mistério cujo fim surpreende!

Classificação:

sábado, 12 de agosto de 2017

[Pegadas & Opiniões] 'Estou a ver-te' de Clare Mackintosh

Sinopse: Todas as manhãs, Zoe Walker faz o mesmo caminho para a estação de metro, espera no mesmo lugar da plataforma e escolhe o seu assento preferido na carruagem, sem nunca suspeitar que alguém a observa. 

Durante uma dessas viagens, certo fim de tarde, enquanto lê o jornal local, Zoe vê a sua cara num dos anúncios: uma foto de má qualidade, um número de telefone e a morada de um website: FindTheOne.com (Encontra-a.com).

Nos dias seguintes, as fotografias de outras mulheres começam a aparecer no mesmo anúncio, e Zoe percebe que foram vítimas de crimes extremamente violentos, incluindo homicídio. 
Com a ajuda de uma polícia determinada, Zoe procura saber o que está por trás daquele anúncio perverso, uma descoberta que vai transformar a sua paranoia em pânico total. Alguém anda a seguir todos os seus passos. E Zoe tem a certeza de que alguém próximo de si a escolheu como próximo alvo. 
Um thriller obscuro, claustrofóbico e repleto de volte-faces.

Opinião: Intenso, surpreendente e arrepiante!
Este romance foi o meu livro de estreia desta autora e sem alguma expectativa iniciei esta leitura e não podia ter corrido melhor. Devorei este romance desde a primeira página até ao epílogo.
O que pensariam se vissem a vossa fotografia num site de encontros amorosos e não tivessem conhecimento disso? E se se apercebessem que algumas das mulheres cujas fotografias eram expostas nesse mesmo site eram vítimas de crimes como roubo, violação, homicídio?
Pois, é o acontece com Zoe Walker, uma mulher e mãe de família cuja vida está em risco e ela apercebe-se a tempo, tentando tudo por tudo para descobrir quem está por trás daquele website perverso.
Ao longo desse percurso, conhecemos Kelly, uma polícia da brigada de furtos, que é quem tem o primeiro contacto com estes crimes, passando para o departamento de Homicídios. Tal como Zoe, Kelly fará de tudo para desvendar o grande mistério, apoiando-se mutuamente para tal e quebrando algumas regras de ética profissional para isso.
Não posso revelar muitos pormenores mas posso garantir que quem lê este thriller fica de queixo caído na reviravolta que a trama dá, principalmente quando ficamos a saber quem são os verdadeiros criminosos.
E se o criminoso é alguém a quem nós abrimos a porta de nossa casa todos os dias? E se o criminoso é sangue do nosso sangue e não fazemos ideia disso? 
Um Thriller viciante e arrepiante, que dá vontade de ler num trago, onde as suspeitas são inúmeras. Fica no ar uma possível continuidade a este livro e se tal acontecer espero ler!
A realçar que este livro foi escrito com a Mestria de quem já trabalhou num Departamento de Investigação Criminal. Parabéns à autora por ter pegado nos seus conhecimentos e experiências para construir um Thriller bastante realístico e plausível.
Obrigada à Marcador por me ter proporcionado esta leitura fenomenal.

Classificação:

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

[Pegadas & Divulgações] Novidades Coolbooks

Sinopse: O que é o verdadeiro amor? Para Eduardo, de 17 anos, é a mãe e o irmão mais velho, Simão. Este, porém, tem um segredo que o empurra para a bebida e Eduardo receia que o seu irmão se suicide, tal como o pai de ambos o fizera, dez anos antes. 
Júlia acredita que passou ao lado de um grande amor. Em busca da verdade que mudará a sua vida, regressa à vila de Apúlia para reconstruir um passado de que não se consegue recordar. O caminho desta mulher perturbada está prestes a cruzar-se com o de Eduardo, trazendo à tona segredos, paixões agressivas e remorsos intemporais, com consequências devastadoras sobre a vida da outrora pacata vila piscatória. Uma alegoria moderna de um clássico, onde os humanos se destroem sem precisarem de intervenção divina.

Sobre a autora: Nascida e criada em Braga, Andreia Ferreira orgulha-se muito do seu sotaque. Escreve nos cafés, roubando histórias ao mundo de cada um para se inspirar. Licenciou-se em Línguas e Literaturas Europeias, tem duas pósgraduações e agora está a frequentar a licenciatura em Direito. É casada e tem um filho. É autora da trilogia Soberba e administra o blogue “d311nh4” desde 2010. Desde os 11 anos, abre o correio na expectativa de ter à sua espera uma carta para Hogwarts.
---------------------------------------------------------------------------
Sinopse: «O tempo não apaga tudo, sobretudo quando no tudo está incluído um grande amor.» 
Esmeralda e António viveram, em jovens, um amor profundo, bruscamente interrompido quando Esmeralda se vê forçada a abandonar a aldeia onde ambos viviam. Os jovens prosseguiram, entretanto, as suas vidas, felizes com o que o destino lhes proporcionou. Quando ambos estão já na idade madura, a inauguração de um empreendimento turístico na aldeia é o pretexto ideal para o reencontro há muito desejado. Sentimentos há muito esquecidos voltam à superfície, mais fortes do que nunca, e o que antes era desvio parece ser agora o melhor dos caminhos. Entre a doçura da memória e a realidade do presente, a escolha nem sempre é linear… 

Sobre os autores: José Rodrigues Com formação superior na área da gestão e carreira como consultor empresarial e formador. É sócio fundador da Visar, onde desenvolve toda a sua atividade profissional, em especial na área dos seguros. A família e os amigos, o karaté e o futebol veterano, complementam o enorme gosto pela escrita.
Sara Augusto Professora universitária e investigadora na área de Literatura Portuguesa e Literaturas Lusófonas, na Universidade Católica Portuguesa e na Universidade de Coimbra. Doutorada em Literatura Portuguesa. Fotógrafa formada no Instituto Português de Fotografia do Porto, com trabalhos desenvolvidos no campo da fotografia documental. 

[Pegadas & Divulgações] Novidades Grupo LIDEL

Sobre o livro: A Terapia de Bem-Estar (TBE) é uma técnica psicoterapêutica inovadora que vai ser implementada em Portugal. Um método de curta duração e que não recorre ao uso de fármacos, centrando-se na auto-observação e interação entre o paciente e o terapeuta.
O novo livro da editora dedicada às ciências sociais explica tudo sobre esta terapia revolucionária, nomeadamente como alguns dos sintomas de doenças na maior parte dos casos é provocada pela nossa mente, pela forma como estamos e vivemos.
A Terapia de Bem-Estar é uma terapia diferente das que são aplicadas atualmente, em Portugal, pois foca-se em seis domínios do funcionamento pessoal: controlo ambiental, crescimento pessoal, propósito de vida, autonomia, autoaceitação e relações positivas com os outros. Baseia-se assim numa ligação entre o corpo e a mente, numa conexão que se prende pela maneira como nos sentimos, que tem como propósito alcançar o equilíbrio pessoal.
Publicada em cinco idiomas, a obra destinada a psiquiatras, psicólogos, terapeutas e a outros profissionais dentro do campo da medicina como, por exemplo, medicina familiar, pediatria e reabilitação e, também, a todos os que têm interesse em aprofundar um pouco mais o seu conhecimento sobre este novo tratamento, fica agora também disponível em língua portuguesa.

Dividida em três partes - Desenvolvimento, Programa de oito sessões de terapia de bem-estar e Aplicações, abrange no total 21 capítulos:
· História;
· O Estudante de Filosofia e a Procura de Estratégias para Aumentar/Melhorar o Bem-Estar;
· Processo de Validação da Terapia de Bem-Estar;
· Avaliação Inicial;
· Sessão 1 – 8;
· Programa de 4 Sessões;
· Depressão;
· Mudanças de Humor;
· Perturbação de Ansiedade Generalizada;
· Pânico e Agorafobia;
· Perturbação de Stress Pós-Traumático;
· Crianças e Adolescentes;
· Nova Direções;
· O Futuro.

Sobre o autor: 
Giovanni A. Fava
Professor de Psicologia Clínica na Universidade de Bolonha e Professor Clínico de Psiquiatria na Universidade Estadual de Nova Iorque, em Buffalo. É autor de mais de 500 artigos científicos, tendo realizado pesquisas inovadoras em vários campos. É editor-chefe da prestigiada revista Psychotherapy and Psychosomatics.
-----------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: As doenças do foro respiratório têm uma presença diária nas consultas de Medicina Geral e Familiar, face à sua elevada e crescente incidência e prevalência.
A Pneumologia, à semelhança de outras especialidades, está em permanente evolução, beneficiando do inegável progresso científico e tecnológico das últimas décadas.
“Pneumologia Básica em Medicina Familiar” teve em consideração as duas premissas anteriores. Não sendo um tratado, nem pretendendo esgotar os temas que o integram, visa a apresentação dos aspetos de diagnóstico e tratamento das várias patologias abordadas, de forma simples e despretensiosa, de modo a constituir um instrumento de utilidade prática.
Assim, privilegiou-se a sistematização (através de quadros, tabelas e algoritmos) e a documentação iconográfica, sempre que possível.
O livro está dividido em quatro capítulos. Os três primeiros são dedicados à semiologia, interpretação de exames complementares e as particularidades terapêuticas, e o quarto capítulo, mais extenso, engloba, por ordem alfabética, as entidades nosológicas respiratórias mais importantes.

Principais conteúdos:

- Sintomas respiratórios e exame objetivo pneumológico;
- Interpretação de exames complementares de diagnóstico;
- Particularidades terapêuticas em Pneumologia;
- Entidades pneumológicas específicas.

Sobre o autor/coordenador: 
António Bugalho
Professor de Pneumologia, Faculdade de Ciências Médicas, Universidade Nova de Lisboa; Consultor de Pneumologia, Hospitais CUF Lisboa; Autor de múltiplos trabalhos científicos e ações de formação no contexto da Medicina Geral e Familiar e especialidades médicas.
-----------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: A aprendizagem do alfabeto é um marco importante na fase de crescimento das crianças, tal como é importante perceber de que forma é que as palavras são feitas e que sons é que as compõem. Desta forma, este livro desconstrói as palavras explicando, passo a passo, as diferentes unidades que a constituem: sílaba, rima e fonema.
Destinada a crianças em idade pré-escolar, leitores emergentes e outros alunos limitados à oralidade, esta é uma obra que consciencializa através dos vários desafios que são propostos, desde identificar palavras com características semelhantes, segmentá-las e recuperar alguns dos seus componentes. Este manual prático permite que a criança foque a sua atenção nos sons e não propriamente nas letras que compõem as palavras.
Simulando um jogo de tabuleiro e com mapas mistério à mistura, miúdos e graúdos terão ao longo do livro a missão de salvar um cavalo-marinho chamado Nemas metido em problemas quando está à procura do “Tesouro das Palavras”. Para salvar o Nemas e avançar para a etapa seguinte, as crianças terão de entrar neste desafio e ultrapassar todos os ‘obstáculos’ através de diferentes jogos.
A obra é constituída por cinco capítulos: introdução, praia da sílaba, atol da rima, mar do fonema e soluções. Existe ainda um complemento de autocolantes para tornar a aprendizagem dos sons ainda mais divertida e fácil.

Sobre as autoras:
Florbela Henriques
Mestre em Psicologia Clínica e da Saúde pela Universidade Fernando Pessoa. É detentora dos títulos de Especialista em Psicologia Clínica e da Saúde, com Especialidade Avançada em Necessidades Educativas Especiais. Exerce funções de diretora técnica e psicóloga na resposta social Residência Autónoma da Santa Casa da Misericórdia da Murtosa destinada a pessoas portadoras de deficiência. No âmbito da sua dissertação de mestrado, conduziu um estudo sobre o papel do meio no desenvolvimento da consciência fonológica e da consciência morfológica em crianças em idade pré-escolar, estudo esse que esteve na génese do presente livro.


Inês Gomes
Licenciada e doutorada em Psicologia pela Universidade do Porto, é Professora Associada na Universidade Fernando Pessoa, onde coordena o doutoramento em Desenvolvimento e Perturbações da Linguagem. Psicóloga no Hospital-Escola Fernando Pessoa, sendo detentora dos títulos de Especialista em Psicologia Clínica e da Saúde, com Especialidades Avançadas em Neuropsicologia e em Necessidades Educativas Especiais. Atua na área das dificuldades de aprendizagem e dos transtornos cognitivos em situação de disfunção neurológica, contando com várias apresentações em congressos e com publicações em livros e periódicos científicos.

terça-feira, 25 de julho de 2017

[Pegadas & Opiniões] 'Reencontro em Barcelona' de Elizabeth Adler

Resultado de imagem para reencontro em barcelona
Sinopse: A dupla de detetives Sunny Alvarez e Mac Reilly está de volta com mais intriga, escândalo e suspense neste maravilhoso romance que a levará das colinas de Hollywood até às ruas de Barcelona.
Bibi Fortunata, cantora, atriz e celebridade é uma estrela do mundo do espetáculo. No auge da sua carreira é detida por suspeitas de ter assassinado o amante e a mais recente amante deste, que era também a sua melhor amiga.
Bibi tornou-se notícia de primeira página, pelos piores motivos, mas a polícia nunca conseguiu provar nada e Bibi foi libertada, ainda com o pálio da suspeita a pender sobre a sua cabeça, partindo para Barcelona, onde pura e simplesmente desapareceu.
Quando Paloma, a filha de Bibi, pede ajuda a Mac e Sunny, eles não conseguem resistir à tentação de resolver aquele mistério de uma vez por todas. Quem matou o amante de Bibi e a amante deste? Quem quereria incriminar Bibi?

Opinião: Com esta leitura consegui atingir um dos meus objectivos do ano: ter lido todos os romances escritos por Elizabeth Adler. E que leitura tão boa, uma leitura de Verão,  em que a história flui naturalmente e nos cativa.
Bibi Fortunata, uma actriz famosa, é suspeita de ter assassinado o seu amante e a amante deste, por acaso sua melhor amiga (com melhores amigas destas ninguém precisa de inimigas!)
Após investigação, a Polícia não consegue provar a sua culpa e Bibi é ilibada, decidindo desaparecer, entregando a sua filha Paloma a uma das suas irmãs, Jassy.
Passados alguns anos, o marido de Bibi, engendrando um plano para deitar as mãos à fortuna de Bibi e sua filha, decide que quer a custódia de Paloma. Tal não pode acontecer e toda a família de Bibi, os Ravel, têm de a encontrar rapidamente.
Por coincidência do destino, ou não, Paloma, conhece o melhor detective privado da zona: Mac Reilly! Mac e a sua noiva, Sunny, conhecem Paloma e ficam sensibilizados com a situação da menina e logo entram em acção para descobrir quem cometeu o crime e porquê, partindo para junto da família Ravel, em Barcelona.
Mac e Sunny já são conhecidos em vários dos romances desta escritora e é sempre um prazer reencontrá-los. Uma dupla divertida que dá outro ânimo a toda a trama. Claro que o mistério é resolvido e finalmente Bibi encontra a paz que tanto procurava, juntamente com a sua família.
Uma leitura descontraída, uma escrita simples, um romance habitual de Elizabeth Adler que mistura romance e mistério e não desilude. 
Só tenho a apontar que o fim não é surpreendente e gostaria de ter visto a cidade de Barcelona um pouco mais explorada, mais descrita. Tornaria o romance ainda mais envolvente.

Classificação:





[Pegadas & Divulgações] Novidades A Esfera dos Livros - Julho

Sobre o livro:
Já se imaginou a ir para o emprego de bicicleta, enquanto sente o vento e o sol no rosto, desfruta calmamente do seu percurso, evita o trânsito caótico e ainda poupa tempo e dinheiro em gasolina e faz muito pela sua saúde?
O cenário é bonito mas também difícil de concretizar pois, de repente, começa a pensar como é que vai conseguir levar os seus filhos na bicicleta? como vai fazer nos dias em que chover? como vai transportar as compras que costuma colocar na bagageira do seu carro? ou como vai enfrentar aquela subida íngreme que parece impossível de vencer?
Miguel Barroso, especialista na área da Mobilidade Sustentável, prova-nos ao longo deste livro que todas estas questões podem ser facilmente resolvidas. Uns simples alforges podem solucionar o problema das compras, e uma cadeira específica, o transporte do seu filho, e vai ver que, passadas umas semanas, a subida já não é assustadora, mas apenas um pequeno declive. A chuva? Nada que um poncho impermeável não resolva, mas se vir bem não chove assim tantas vezes em Portugal.

E não tem de vestir uns calções de lycra para andar de bicicleta, é perfeitamente possível vestir o seu melhor fato e pedalar até ao seu destino. Estamos tão presos a uma lógica onde todas estas deslocações são feitas de outros modos (geralmente o carro) que deixar os velhos hábitos nem sempre é fácil. Mas acredite que é possível e este livro vai ajudá-lo a perceber que, depois de ultrapassados estes obstáculos aparentemente intransponíveis, a bicicleta vai passar a ser a sua melhor aliada.

Sobre o autor:
Miguel Barroso - Ex-aluno do Colégio Militar, arquiteto de Formação (FA-UTL), com pós-graduação emArquitectura Bioclimática (FA-UTL), está a terminar o doutoramento em Estudos Urbanos (ISCTE/IUL e FCSH/UNL). Foi docente do Ensino Secundário entre 1998 e 2007 e docente universitário entre 2013 e 2016. Entusiasta da bicicleta e não só, já praticou inúmeros desportos desde a infância, mas hoje em dia o BTT continua a ser a sua modalidade de eleição. Um apaixonado por DIY (faça você mesmo), já construiu um pouco de tudo: não só bicicletas, mas também drones, computadores e impressoras 3D, e algumas criações originais como berços, candeeiros ou brinquedos. Exerce arquitetura no seu ateliê (Tambstudio) desde 1997, a par de outras atividades ligadas ao design e fotografia. Juntamente com o Arquiteto Bernardo Pereira, fundou recentemente a Urbactiv, uma empresa de estudos, projetos e consultoria especializada em mobilidade ativa e sustentável. Nos últimos anos desempenhou um papel ativo nas questões da mobilidade e planeamento sustentáveis - promovendo campanhas e eventos, e participando em congressos e outras atividades relacionadas com o tema. Utilizador da bicicleta como meio de transporte há mais de 20 anos, é moderador de fóruns da especialidade e responsável pelo blogue LisbonCycle Chic. Colabora com a Federação Portuguesa de Cicloturismo e Utilizadores de Bicicleta, como consultor para a mobilidade sustentável e na dinamização de diversas iniciativas.
----------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: Ser feliz na Dinamarca e noutros países prósperos é fácil. Com uma boa lareira por perto e um ordenado confortável para se fazer umas viagens aos trópicos duas ou três vezes por ano, quem é que consegue ser infeliz? Já a felicidade em Portugal, onde o salário mínimo é mesmo mínimo, os transportes públicos estão sempre atrasados e é preciso dormir à porta da Segurança Social para se ser atendido, é um assunto intrigante que desperta o fascínio da comunidade científica mundial.
Numa linguagem rigorosa mas acessível, o presidente e fundador do Instituto Português Para os Altos Estudos da Felicidade (IPPAEF), Diogo Faro, explica aqui o extraordinário segredo da felicidade do povo português. «“Na boa”, “um gajo safa-se”, “claro que se desenrasca isso”, os problemas resolvem-se e a vida leva-se de sorriso na cara», escreve o autor. «Com mais ou menos sobressaltos, descobrimos constantemente maneiras de saltar de nenúfar em nenúfar mesmo quando à nossa volta tudo é um lago de problemas.» Porque de vez em quando é bom olharmo-nos ao espelho e gostarmos do que vemos, a leitura deste livro fará o leitor sentir-se ainda mais feliz.
Por si. Pelo seu país. Por todos nós.

Sobre o autor: Diogo Faro tem-se destacado como comediante, mas chega-nos agora num papel completamente diferente. Depois da sua viagem à Índia onde viveu 3 meses como voluntário num templo Hindu, passou a ver a vida de outra forma como se tivesse um filtro de Instagram nos olhos chamado "optimismeville". E mesmo que isto possa soar cliché, a verdade é que percebeu que tinha algo mais para dar ao mundo. Inspirado em grandes pensadores da actualidade, criou o Instituto Português para os Altos Estudos da Felicidade e tem desenvolvido o seu trabalho a estudar precisamente a felicidade dos portugueses. As conclusões, até agora, são óptimas mas há sempre espaço para melhorar e é desta forma que surge este livro. Uma partilha do autor com os leitores sobre como podemos ser ainda mais felizes do que já somos, sendo que o leitor começa logo esse processo ao comprar este livro porque está a ajudar financeiramente o Diogo e o IPAEF gerando assim uma sensação de bem-estar para si mesmo, precisamente como nas religiões ou workshops de auto-ajuda.
----------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: Sabe porque se assinala o Dia dos Avós no dia 26 de julho? Porque nesse mesmo dia comemoram-se os Dias de Santa Ana e de São Joaquim, pais de Maria e avós de Jesus Cristo.
Mesmo sem atentarmos ao calendário religioso, há já alguns anos que este dia entrou no leque daqueles a que as famílias prestam uma atenção especial. A pensar nisso, A Esfera dos Livros edita este pequeno livrinho – Avó, Conte-me a sua História.
Aqui, a sua Avó vai poder escrever a sua história, as suas memórias, as suas preferências, enfim, revelar-se como nunca se revelou e certamente vai descobrir uma Mulher ainda mais bonita, fascinante e adorável do que aquela que tinha conhecido até agora. É um livro para guardar junto dos tesouros de família: aquela fotografia especial em que a Avó está connosco ao colo, aquele brinquedo do qual somos incapazes de nos separar porque a Avó o escolheu com um carinho especial ou o casaco de malha que tricotou com muito amor. Um livro para passar de geração em geração, para que a figura da Avó fique para sempre na memória de todos.

quinta-feira, 13 de julho de 2017

[Pegadas & Opiniões] 'Viciado no Pecado' de Monica James

Sinopse: Dixon Mathews, um reputado psiquiatra de Nova Iorque, a duas semanas do casamento é traído pela noiva com o seu melhor amigo. Para superar o desgosto sofrido, Dixon resolve não ter mais nenhuma relação séria e torna-se viciado em sexo. Assim pretende continuar, até que o destino lhe prega uma partida.
Duas mulheres cruzam-se no seu caminho. Juliet, deslumbrante, extrovertida, manipuladora e viciada em sexo. E Madison, inocente e frágil.
A primeira atrai-o sexualmente. A segunda toca-lhe o coração. Dixon não é o melhor dos homens, e tem fraquezas, mas está confuso sobre quem deve escolher. Mas as escolhas óbvias nem sempre são as melhores.
Dixon vai descobrir o que de facto quer, mas os erros do passado, como sempre voltam para ensombrar o presente.

Opinião: Apesar da imensa curiosidade, nunca havia lido nenhum romance de Monica James mas fiquei super fã! O melhor livro erótico que li nos últimos tempos, sem dúvida. 
Este romance conta-nos a história de Dixon, um psiquiatra de renome, cujo seu objecto principal de estudo são os vícios. Depois de um desgosto amoroso e de desacreditar no amor, Dixon torna-se viciado em SEXO. Não é curioso que alguém especialista em vícios seja viciado em algo? 
Ele é viciado no pecado e nós ficamos viciados pela leitura!
Duas mulheres completamente distintas surgem na sua vida. Por um lado existe Juliet, uma mulher vivida e disposta a satisfazer todos os caprichos sexuais de Dixon; por outro lado, Maddison, a personificação de um anjo puro e inocente, que desperta em Dixon sentimentos há muito esquecidos.
Dixon, nas suas incertezas, acaba por se envolver com ambas. A sua aventura com Juliet é carnal, alucinante, intensa e acaba por ser trágica. A sua relação com Maddison é afectiva, doce e adorável.
Depois de algumas reviravoltas na história, Dixon percebe quem o faz realmente feliz, e o que deseja para si enquanto homem. Porém, essa escolha acabará por lhe trazer algumas consequências bem azedas e acaba também por descobrir que Juliet e Maddison têm mais ligações do que apenas terem Dixon nas suas vidas.
O final é surpreendente! Fiquei de queixo caído e com vontade de ler a continuação deste romance para saber que tramas virão a seguir.
Gostaria de agradecer à Planeta por me ter propiciado esta leitura fantástica.
Uma leitura surpreendente, divertida e muitíssimo sexy!

Classificação:

quarta-feira, 12 de julho de 2017

[Pegadas & Divulgações] 'Angélica e Lorenzo' - Planeta

Uma história poderosa, sensual e arrebatadora, que marca a estreia em Portugal de Lettie S.J., uma autora-revelação brasileira que promete conquistar corações em dois continentes!  

Sobre o livro: Um amor escrito nas estrelas e o encontro de dois amantes num fulgor magnético que nada nem ninguém poderão separar. 
Angélica sai do Brasil e vai morar em Portugal com a mãe, onde não contava enfrentar sérios problemas e sofrer bullying nas mãos do filho de um renomado político da cidade. Corajosa mas muito sensível, ela consegue seguir em frente, mas a pressão é tanta que sente-se quebrar por dentro com o passar do tempo. Quando está perto de entrar na faculdade, Angélica conhece Lorenzo, que torna-se seu grande protector.
Lorenzo Costi é filho de um rico empresário italiano e mãe portuguesa, herdeiro das empresas da família e sucessor do pai quando completasse 21 anos. Envolvido com problemas de violência na Itália e sem saber que tem um inimigo poderoso dentro da própria família, Lorenzo volta para Portugal. Dono de uma personalidade complexa e sob tratamento médico para controlar sua agressividade, ele tem dificuldades em superar seu passado e direccionar seu futuro, até conhecer Angélica, uma garota predestinada e que precisava ser salva, mas que também acaba por salvá-lo. 
Entre ambos, estabelece-se uma relação electrizante e inexplicável desde o primeiro momento – poderão dois seres tão diferentes estar ligados de corpo e alma de uma forma que está escrita nas estrelas e nos sonhos de ambos desde há muito? Contra todos os medos e perigos, Angélica e Lorenzo vão descobrir, e descobrir-se…Não podem MESMO deixar de o fazer.   

Sobre a autora: Apaixonada por livros desde sempre, começou a escrever romances aos 18 anos mas nunca os publicou. Decidiu fazê-lo apenas em 2016 através do Wattpad, e foi premiada no mesmo ano com o Wattys 2016 na categoria «Estreia Autoral» atribuído ao romance Linhas do Destino, que concorreu contra 140.000 inscritos neste que é considerado o maior concurso de escrita online do mundo. 
É luso-brasileira nascida no Recife onde trabalhou durante anos como Secretária Executiva de Recursos Humanos. Mudou-se para Portugal em 2007, morando há dez anos na Póvoa de Varzim com seus dois filhos, Luis Carlos e Rebecca, ambos cursando o Ensino Superior. É a partir da Póvoa de Varzim que actualmente escreve os seus romances.

[Pegadas & Divulgações] Novidades Porto Editora e Coolbooks - Julho

Sobre o livro: Sete inquietantes histórias inspiradas no imaginário da tradição portuguesa. O sete significa a perfeição e a abertura ao desconhecido. Os olhos de Deus e as cabeças do Diabo. É este o místico número de histórias narradas em A Arte de Caçar Destinos, onde vidas normais são perturbadas pelo inexplicável e sobrenatural.
Alberto S. Santos capta neste livro a essência da alma portuguesa que se preserva na tradição oral, nas festas dos ciclos agrários, nas práticas mágicoreligiosas, onde o sagrado e o profano se unem para a salvação das almas. Entre de mansinho neste sedutor jogo de sombras, maldições ancestrais, poções mágicas, vidas interrompidas e caçadores de fados, e descubra o seu próprio destino. Nem sempre a vida é o que parece. Nem sempre está completamente nas nossas mãos.

Sobre o autor: Alberto S. Santos é formado em Direito pela Universidade Católica Portuguesa. É natural de Paço de Sousa, Penafiel, onde reside. Publicou os romances bestsellers A Escrava de Córdova (2008), A Profecia de Istambul (2010), O Segredo de Compostela (2013) e Para lá de Bagdad (2016). É autor desta coletânea de histórias A Arte de Caçar Destinos (2017) e participa ainda na série de contos de autores lusófonos Roça Língua (2014).
-------------------------------------------------------------------------------
Sobre o livro: Baseado em acontecimentos reais, vividos pela autora durante as viagens que fez ao Bangladesh, A última viagem conta a história da luta de Maria Eduarda pela construção de um hospital pediátrico em Daca. Após a trágica perda do marido, a vontade de continuar com o projeto que iniciaram juntos esmorece. A vida, contudo, não lhe permite esquecer, e Maria Eduarda regressa ao Bangladesh para honrar o compromisso que, afinal, nunca tinha abandonado.
O aparecimento de Carlos, diretor de um laboratório farmacêutico, faz com que a concretização do sonho se torne possível, mas em condições bastante peculiares. Maria Eduarda será obrigada a testar a integridade dos seus valores enquanto assiste a uma mudança improvável na sua vida, da qual parece ter perdido todo o controlo.
Este é um romance construído à volta das relações interpessoais e de tudo aquilo que o ser humano é capaz de abdicar, por amor a quem nasceu com quase nada. Se as crianças de Daca são o fio condutor de toda a narrativa, heróis improváveis que lutam diariamente por uma sobrevivência dura e muitas vezes inglória, o amor é a energia invisível que transforma sonhos em algo verdadeiramente lendário.

Sobre a autora: Tem 35 anos e vive no Porto.
Iniciou o seu percurso profissional na área da saúde, como enfermeira. Trabalhou durante cinco anos num serviço de psiquiatria, onde aprendeu muito do que sabe acerca do ser humano e dos seus limites. Abandonou a enfermagem para se dedicar a um projeto pessoal na área da restauração/turismo, mas, três anos mais tarde, a paixão de sempre falou mais alto, passando a dedicar-se inteiramente à fotografia e, mais tarde, à escrita.
O facto de gostar muito de línguas levou-a ao Bangladesh pela primeira vez, como tradutora. Regressou um ano mais tarde para integrar um projeto de voluntariado. Foram duas viagens, que encara como uma só. Juntas fecharam um ciclo do qual, no fim, precisou de se afastar. Só agora, cerca de cinco anos depois, se sentiu capaz de escrever sobre tudo o que viu e viveu. São viagens que acontecem e nos mudam.